Mulher é esfaqueada no Porto Oficial após desavença com rabeteiro em Guajará-Mirim, RO



Uma mulher de nacionalidade boliviana, de 40 anos, deu entrada no Pronto Atendimento do Hospital Regional Perpétuo Socorro, de Guajará-Mirim/RO, com lesão a faca. O fato foi apurado por policiais militares.

 

Segundo informações por meio da Polícia Militar que atendeu a ocorrência de lesão a faca, segundo relatos a mulher na tarde de sexta-feira, 17, teria procurado o homem conhecido por “Neto” que trabalha como rabeteiro no Porto Oficial. Ela disse que o homem teria agredido e chamado de ladrão o seu irmão, ao indagar o homem sobre a agressão, após discussão ambos chegaram as vias de fatos. Na manhã de sábado, 18, a mulher saiu de Guayaramerín – Beni /Bolívia, ao desembarcar em solo brasileiro, no Porto Oficial, foi ‘recepcionada’ pelo homem que com uma faca de mesa desferiu um golpe atingindo o abdômen da vítima, ela correu em direção a alfândega pedindo socorro e foi encaminhada ao Pronto Atendimento do Hospital Regional. Policiais militares foram acionados e informados do ocorrido, foram realizadas buscas pelo acusado que não foi encontrado. A vítima devido a gravidade da lesão foi encaminhada para o Hospital João Paulo II, em Porto Velho/RO.


omamoré

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem