Extraordinária convocada para analisar pedido da Justiça sobre mandato de Edson Martins é remarcada

 


Não houve quórum necessário para avaliar a decisão da Justiça sobre o mandato do deputado estadual Edson Martins (MDB). A reunião extraordinária da Mesa Diretora estava marcada para às 14h30min desta quarta-feira.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Alex Redano (Republicanos), remarcou para a próxima terça-feira, 14, uma nova reunião para deliberar o assunto. O relator do processo é o deputado Izequiel Neiva (PTB).

Edson Martins foi condenado pela juíza Márcia Adriana Araújo de Freitas por improbidade administrativa por condutas ilícitas quando era prefeito de Urupá. A magistrada é da 1ª Vara Cível da Comarca de Alvorada do Oeste, e ela também pediu a perda do mandato do parlamentar, acatando pedido dos advogados do suplente, Saulo Moreira.

Ele acredita que não perderá seu mandato e compara sua situação igual ao ex-senador Ivo Cassol e o atual senador Acir Gurgacz, também condenados com direitos políticos suspensos, mas permaneceram nos respectivos mandatos. 

Compõem a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa os deputados Alex Redano (presidente); Jean Oliveira (MDB), 1º vice-presidente; Marcelo Cruz (Patriota), 2º vice-presidente; Jair Montes (Avante), 1º secretário; Cirone Deiró (Podemos), 2º secretário; Alex Silva (Republicanos), 3º secretário e Cabo Jhony Paixão (Republicanos), 4º secretário. 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem