Ao desviar de ciclista na BR-364 motorista de Guajará-Mirim tomba carreta em Ouro Preto do Oeste

Motorista da carreta é de Guajará-Mirim; ele armou que não conseguiu controlar o veículo pesado ao desviar do ciclista na BR-364.

Uma carreta carregada com madeira beneciada capotou à margem direita da pista da BR-364, 1 Km após passar por Ouro Preto do Oeste, o veículo de carga tombado lixou por vários metros e parou a pouco mais de 1 metro da pedreira que existe no local.

A madeira se espalhou pela margem direita da pista fechando o acesso à Estação Experimental da Ceplac de Ouro Preto do Oeste, e da área chacareira de acesso ao Jardim Aeroporto. O motorista da carreta modelo Volvo/FH 440 6XT2, Raydson Bezerra Rodrigues, que reside em Guajará-Mirim, sofreu ferimentos e com sangramento de um corte perto do olho, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital Municipal Dra. Laura Maria Carvalho Braga.



Após um rapaz juntara uma quantia de pouco mais de R$ 1.000 do caminhoneiro no local ele informou que o motorista da carreta disse que havia recebido em torno de R$ 7.500,00 de adiantamento de frete, e que essa quantia cou debaixo da madeira que se soltou da carroceria do veículo. Diante dessa informação, e da aglomeração de pessoas, um policial civil permaneceu no local até a chegada da Polícia Rodoviária Federal. A reportagem vericou no local, em frente à cabine da carreta, que havia pedaço de nota de R$ 100,00 rasgado.  




O caminhoneiro passou a noite em observação e deverá receber alta nesta quinta-feira, 22. 


No prontuário de atendimento ao caminhoneiro, ele relata que perdeu o controle do veículo carregado na descida da serra porque teve que desviar de uma bicicleta que seguia à margem da rodovia federal ocupando parte da pista. No local do acidente, não havia nenhum ciclista. O movimento de ciclista nos finais de tarde, até por volta de 19h é intenso naquele trecho entre a cidade de Ouro Preto do Oeste e a entrada do morro Chico Mendes. No ano retrasado, um homem que subia o morro de bicicleta foi atropelado e morto na pista da BR, o autor do acidente evadiuse do local. No local do acidente foi informado que o caminhoneiro seguia com destino ao Rio de Janeiro. No entanto, no hospital ele disse que seu destino era o estado de São Paulo. 


Fonte: Correio Central

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem