Homem se recupera de hanseníase e encontra no pilates a reabilitação de sequelas

Exercícios têm ajudado paciente a se recuperar depois de cirurgia. Fisioterapeuta especialista mostra benefícios do pilates e como funcionam as sessões.

Uma doença grave e várias sequelas quase acabaram com a vida do autônomo Fábio Penha, que encontrou no pilates uma forma de reabilitação e a motivação para se superar e recuperar os movimentos do corpo, a força muscular e a autoestima que havia perdido. Hoje, com 36 anos, e depois de ter vencido a hanseníase, o novo Fábio é um pilateano assíduo em Guajará-Mirim.

Autônomo Fábio Penha venceu a hanseníase, mas ficou com sequelas após a doença — Foto: Júnior Freitas

Diagnosticado com a doença em 2004, o paciente enfrentou um longo tratamento e se curou, mas em 2016 descobriu que havia ficado com sequelas e entrou em depressão, depois que perdeu força massa muscular e força, além de sentir dores pelo corpo e a dificuldade na coordenação motora. Uma cirurgia era a única forma de tentar reverter o quadro clínico.

Logo que fez o procedimento, o paciente buscou ajuda e orientação de especialistas e iniciou a prática do pilates, que é um sistema composto de exercícios físicos e alongamentos usando o próprio peso, sendo também uma técnica para reeducar a movimentação corporal, corrigir a postura e que trabalha bastante o equilíbrio corporal e mental.

Ainda em recuperação, Fábio diz se sentir feliz e disposto depois que conheceu a modalidade e passou a ser praticante em um estúdio do município.

O Paciente encontrou no pilates uma forma de se reabilitar e recuperar a autoestima — Foto: Júnior Freitas

Hoje me sinto ótimo, ainda tenho dores, mas consigo suportar bem e tenho melhorado. O tratamento de Pilates é muito bom, para quem tem as dificuldades parecidas com as que eu enfrento, eu recomendo. Comecei a fazer depois da cirurgia e me apaixonei – conta.

Acompanhado de perto pela fisioterapeuta Cordélia Santana, o pilateano é dedicado nas sessões e faz todos os exercícios durante aproximadamente uma hora três vezes na semana, nas segundas, quartas e sextas-feiras.

Fábio é orientado pela fisioterapeuta Cordélia Santana durante as sessões — Foto: Júnior Freitas

Conheça o pilates e seus benefícios

Cordélia, que é fisioterapeuta e funcionária pública no município, pratica o pilates há oito anos e montou o próprio estúdio em casa. Atualmente com 25 pilateanos e pacientes de fisioterapia, ela comentou as sessões e também sobre os benefícios para os praticantes.

Cordélia Santana é fisioterapeuta e também praticante de pilates — Foto: Cordélia Santana/ arquivo pessoal

-É uma modalidade recente que junta força, flexibilidade e corrige a postura, alongando e tonificando os músculos. Os benefícios são inúmeros e as pessoas com algum tipo de limitação encontram uma forma de superar essas dificuldades. As sessões variam de pessoa para pessoa, com exercícios personalizados e com três praticantes por horário- explica.

Modalidade ajuda pessoas com lombalgia crônica, hérnia de disco e escoliose — Foto: Júnior Freitas

Depois que se formou em fisioterapia, o próximo passo na carreira foi a especialidade em terapia manual e cinesioterapia, com formação em Reeducação Postural Global (RPG) e Pilates Completo. Aos 41 anos, Cordélia acompanha todos os pacientes e também se dedica em praticar os exercícios em nível avançado, que é uma de suas paixões, além da corrida noturna diária para manter a saúde e o bem-estar.

Estúdio montado em casa ajuda na renda mensal da funcionária pública — Foto: Júnior Freitas